IRSFD – Comemora Dia Mundial do Macarrão

As massas alimentícias podem ser definidas como  produtos obtidos da farinha de trigo (Triticum aestivum L. e ou de outras espécies do gênero Triticum) e ou derivados de trigo durum (Triticum durum L.) e ou derivados de outros cereais, leguminosas, raízes e ou tubérculos, resultantes do processo de empasto e amassamento mecânico, sem fermentação segundo a Resolução da ANVISA nº263 de 22 de setembro de 2005. Nela é definido também a classificação dos produtos em: secos, frescos, pré-cozidos, instantâneos ou prontos para o consumo, em diferentes formatos e recheios. A massa alimentícia, quando obtida, exclusivamente, de farinha de trigo (gênero Triticum) pode ser designada de “Macarrão”.

SÉRIE IRSFD – MELIPONICULTURA – Conheça a meliponicultura

O Royal Geographical Society de Londres declarou as abelhas como os seres vivos mais importantes do planeta, porém, é importante ressaltar que esse título não é unicamente da Apis melífera. Embora ela seja a espécie mais conhecida ela não é a única que realiza a polinização, muito menos é a única que produz mel e própolis.

Comur – Conservas Portuguesas – Inovação ou Tradição?

Com o ano de fundação de 1942, a Comur, na Murtosa, Aveiro, é atualmente uma das maiores indústria conserveira portuguesa. O produto pioneiro foram enguias focado para o mercado exterior para possibilitar a difusão do sabor peculiar das feiras locais da Ria de Aveiro, que somente vendiam o produto fresco. Posteriormente aumentou o seu portfólio de produtos contando hoje com cerca de trinta variedades de conservas, ricas em detalhes e resultantes da experiência das mais de cem mulheres, por meio de produção artesanais aliado com um conhecimento de décadas, contando com iguarias singulares.

𝐎 𝐪𝐮𝐞 𝐞𝐬𝐭𝐚𝐦𝐨𝐬 𝐞𝐫𝐫𝐚𝐧𝐝𝐨 𝐧𝐚 𝐥𝐮𝐭𝐚 𝐩𝐚𝐫𝐚 𝐚𝐜𝐚𝐛𝐚𝐫 𝐜𝐨𝐦 𝐚 𝐟𝐨𝐦𝐞?

Diariamente, apenas visualizar as atitudes que temos plantado e regado não criarem raízes fortes ao que diz respeito a luta para acabar com a fome global. É importante pensar novas abordagens para tratar a insegurança alimentar e como a tecnologia está ao nosso favor para colher os resultados significativos.
É de suma importância lembrar, além de colocar em primeiro lugar, qual a qualidade do alimento que está sendo ofertado. A doação está sendo uma esmola em formato de comida ou uma mesa de banquete?

“Local Food”: uma tendência além da sustentabilidade

Soluções mais sustentáveis é uma tendência irreversível. As regiões que produzem para abastecer as populações locais oferecem alimentos com mais frescor, mais qualidade, menos gastos com combustíveis, consequentemente menos emissão de gases do efeito estufa, fortalecendo essa tendência. Produzir localmente gera empregos, incentiva e incrementa a economia local. Valorizar os produtos locais ajuda a melhor estruturar o meio ambiente e a sociedade. Essa tendência vem sendo chamada internacionalmente como “local food”.

Os pilares do bem-estar animal: as cinco liberdades

No século XXI, a agricultura passou por várias mudanças, dentre elas a valorização do bem-estar animal – BEA, além da gestão da qualidade que passou a ser realizada em toda a cadeia do produto. Aspectos na criação do animal como: afeto e liberdade de expressão do comportamento durante sua vida, passaram a ser relevantes. Esses estão correlacionados não apenas ao mercado consumidor, que está cada vez mais exigente, mas também com os profissionais estudantes da área.

Corredor de supermercado: alimentos sem plástico?

O desenvolvimento de embalagens sustentáveis de alimentos já é realidade global. Nesse contexto o supermercado Ekoplaza, em 2018, lançou o primeiro corredor sem plástico, em Amisterdã. Por volta de 700 itens estão no portfólio: cereais, molhos, laticínios, chocolates, snacks, carnes, frutas e vegetais. As embalagens empregadas são: de biomateriais, de vidro, metal ou cartão.

Suspeita de trabalho escravo de macacos leva grande redes de varejo a cortarem o fornecimento

A Gestão de fornecedores é de extrema importância para garantir a produção de um alimento seguro e com qualidade, considerando-se também as três esferas da sustentabilidade: economia, sociedade e meio ambiente para assegurar o fornecimento dos produtos, garantir a credibilidade e satisfação dos consumidores. Uma suspeita de trabalho escravo animal de uma empresa que produz alimentos à base de coco levou a várias redes de varejo a cortarem o fornecimento dos produtos dessa organização.

EFSA avalia e aprova a segurança do consumo das larvas do Tenébrio

Como um ponto forte aliado a sustentabilidade considerada uma das cinco tendências globais de consumo divulgada pela ADM, empresa de nutrição humana e animal, a segurança do consumo de inseto, mais especificamente as larvas secas do besouro Tenebrio molitor foi avaliada e aprovada pela Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA) como novo alimento (NF) nos termos do Regulamento (EU) 2015/2283 e foi divulgada nessa semana.

AuREUS System Tecnology: inovação para redução de desperdício de alimentos

O AuREUS é painel solar formado por um sistema que converte a radiação UV em luz visível e gera eletricidade (50% do tempo mais potente que painéis solares convencionais, que variam de 15 a 22% do tempo). Para sua aplicação é necessária uma superfície ou estruturas pré-existentes, como vidros de edifícios e um outro diferencial pode ser aplicada verticalmente comparando-se com o sistema tradicional que é horizontalmente e necessita de superfícies maiores.

Português PT English EN Español ES